Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Claro como a água

Claro como a água

Sab | 19.12.15

Fui à Biblioteca

Não fazia ideia de que a biblioteca da zona onde eu moro tinha muitos dos livros que quero ler, alguns até publicados durante o último ano.

Também não imaginava que uma biblioteca daquelas tivesse um site onde é possível consultar os livros que podem ser alugados bem como a sua disponibilidade.

Já tenho cartão de leitor e trouxe logo três livros:

O Luto de Elias Gro de João Tordo

Morreste-me de José Luís Peixoto

Se isto é um Homem de Primo Levi

 

Um presente de Natal antecipado!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.