Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Claro como a água

11.08.16

CITAÇÃO | Pepetela

Rita
O amor é uma dialética cerrada de aproximação-repúdio, de ternura e imposição, senão cai-se na rotina, na mornez das relações e, portanto, na mediocridade. Detesto a mediocridade! Não há nada pior no homem que a falta de imaginação. É o mesmo no casal, é o mesmo na política. A vida é criação constante, morte e recriação, a rotina é exactamente o contrário da vida, é a hibernação.   em Mayombe de Pepetela
21.07.16

OPINIÃO | Mayombe

Rita
 Título: MayombeAutor: PepetelaAno da primeira publicação: 1983Editora: Dom Quixote Mayombe é uma das obras mais famosas do escritor africano Pepetela, não sendo no entanto uma das minhas preferidas. Mayombe nasceu da participação do autor na Guerra de Independência de Angolana, na altura em que o país tentava livrar-se dos portugueses, durante os anos (...)
16.05.16

DIVULGAÇÃO | Se o Passado Não Tivesse Asas

Rita
  O novo romance de Pepetela já está à venda, uma vez mais pelas mãos da editora Dom Quixote. Se o Passado Não Tivesse Asas está à venda por €18,90 (parece-me um preço um bocadinho exagerado, ainda mais para um livro com 384 páginas), no entanto, se o comprarem na wook levam de oferta o livro O Terrorista de Berkeley, Califórnia também do Pepetela. Podem saber mais e também comprar 
08.05.16

OPINIÃO | O Tímido e as Mulheres

Rita
 Título: O Tímido e as MulheresAutor: PepetelaAno de publicação: 2013Editora: Dom Quixote Após Mia Couto, Ondjaki e Agualusa aventurei-me com o mais conceituado escritor angolano da actualidade: Pepetela. É caso para dizer: mais um escritor africano, mais uma surpresa. Estou fã da literatura africana! Suspeitei que ia adorar o livro quando (...)