Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Claro como a água

01.11.16

CITAÇÃO | Tempo para ler

Rita
A vida é um perpétuo entrave à leitura. (...) O tempo para ler é sempre um tempo roubado. (Como aliás o tempo para escrever, ou para amar). Roubado a quê? Digamos que ao dever de viver. É sem dúvida por essa razão que o metropolitano - símbolo tranquilo do referido dever - é a maior biblioteca do mundo. Tanto o tempo para ler como o tempo para amar dilatam o tempo de viver. Se encarássemos o amor pela perspectiva do emprego do tempo, o que sucederia? Quem tem tempo para (...)
05.08.16

OPINIÃO | Como um Romance

Rita
  Título: Como um Romance Autor: Daniel Pennac Ano da primeira publicação: 1992 Editora: Edições Asa   "O verbo ler não suporta o imperativo. É uma aversão que compartilha com outros: o verbo «amar»... o verbo «sonhar»..."   Um ensaio bri-lhan-te!   O autor Daniel Pennac descreve em