Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Claro como a água

28.03.18

OPINIÃO | O Labirinto dos Espíritos

Rita
Título: O Labirinto dos EspíritosAutor: Carlos Ruiz ZafónAno da primeira publicação: 2016Editora: Editorial Planeta O Labirinto dos Espíritos foi uma das últimas leituras de 2017, um dos livros que carinhosamente batizei de "monstro da minha estante". Com cerca de 800 páginas, difícil de carregar e ler nos transportes, necessitei de cerca de 2 meses para o ler.Este é o último volume da saga O Cemitério dos Livros Esquecidos, que muitos de vós imediatamente associam à (...)
03.01.18

CITAÇÃO | Sobre a relação escritor-leitor

Rita
Uma história não tem princípio nem fim, só portas de entrada. Uma história é um labirinto infinito de palavras, imagens e espíritos esconjurados para nos revelar a verdade invisível a respeito de nós mesmos. Uma história é, em última análise, uma conversa entre quem a narra e quem a escuta, e um narrador só pode contar ate onde lhe chega o ofício e um leitor só pode ler até onde leva escrito na alma. É esta a regra-mestra que sustenta todo o artifício de papel e tinta, (...)
13.09.16

RELEITURA | A Sombra do Vento

Rita
  - Pois bem,esta é uma história de livros.- De livros?- De livros malditos, do homem que os escreveu, de uma personagem que se escapou das páginas de um romance para o queimar, de uma traição e de uma amizade perdida. É uma história de amor, de ódio e dos sonhos que vivem na sombra do vento. Passaram mais de dez anos desde que li pela primeira vez A (...)