Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Claro como a água

Claro como a água

14
Jan16

Autores Portugueses. Sim, por favor!

Há uns meses quando pegava num livro de um escritor português o meu cérebro gerava um alerta:

 

"Nem penses em ler uma coisa dessas, não tem interesse, é aborrecido!"

 

Os poucos autores portugueses que tinha vontade de ler eram Saramago, Eça de Queirós e Miguel Sousa Tavares (e sobre este último aproveito para dizer, foi uma desilusão).

Foi a review bastante positiva e completa da Claúdia acerca do livro Flores, do escritor Afonso Cruz, que me levou a querer ler este livro. Pensei: posso tentar, bem vistas as coisas nunca ouvi falar do homem, vamos ver se este pega (que é como quem diz, vamos ver se os livros de Afonso Cruz não são aborrecidos).

E fiquei apaixonada, com vontade de ler tudo o que ele escreve e com vontade de pesquisar outros "jovens" autores portugueses. E descobri que há tantos e tão bons.

 

Afonso Cruz, João Tordo, José Luís Peixoto, Valter Hugo Mãe

 

Destes já li um livro escrito por cada um e quero ler mais, felizmente a biblioteca lá da terra é amiga e tem muito por onde escolher. Escrevem tão bem, cada frase é mágica (e com isto o meu caderno de citações está muito mais rico).

Sinto que tenho o dever de fazer o que fizeram comigo e incentivar os leitores mais reticentes a descobrir a "nova" literatura portuguesa. Não tenham medo, atirem-se a eles!

6 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Facebook

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

WOOK - www.wook.pt

A Ler


goodreads.com

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D